Planejamento Estratégico

 

-*-

Palavra do Presidente

perspective phone

 

O planejamento estratégico do Crea-Minas está alicerçado em nosso Plano de Governo para 2018/2020, que foi construído a muitas mãos. Durante nossa campanha, visitamos mais de 80 cidades e realizamos mais de 300 reuniões com profissionais de todo o estado e de todas as modalidades. Nossa intenção era conhecer um pouco da realidade de cada região e as demandas dos profissionais. Nesses encontros, discutimos amplamente as nossas propostas para o Conselho e incorporamos sugestões.

Quando assumimos a gestão, o plano de governo foi detalhado e validado com a atual diretoria e com os demais integrantes da equipe de gestão. O Crea-Minas, com base em nossa visão, missão e valores, estabeleceu como estratégicos os temas gestão e planejamento, o exercício profissional, a inserção social e o controle orçamentário.

Para o desenvolvimento do planejamento estratégico, utilizamos a metodologia do Balanced Scorecard (BSC). Assim, o detalhamento das diretrizes dos eixos estratégicos orientou a composição do portfólio de projetos e possibilitou seu alinhamento aos objetivos do Conselho. O Mapa Estratégico sintetiza esse trabalho, contemplando 18 projetos e indicadores, nas perspectivas de finanças, público, processos e aprendizagem e crescimento.

Queremos que o monitoramento da execução do planejamento seja transparente. Neste espaço, você conhece os eixos e o Mapa Estratégicos da Gestão 2018-2020. Além disso, tem acesso aos projetos em andamento, seus objetivos, prazos e responsáveis. 

Nosso desejo é que, ao final deste triênio, o Crea-Minas tenha alcançado as metas propostas para cada uma das perspectivas, de forma que atenda as expectativas dos profissionais e da sociedade.

 

 
-*-

MVVN

Missão*

Defender os interesses sociais e humanos, promovendo a valorização profissional, o desenvolvimento sustentável e a excelência do exercício das atividades profissionais.

Visão*

Ter o reconhecimento e a credibilidade da sociedade fomentando e valorizando o profissional pela fiscalização do exercício da profissão.

Valores

União e diálogo, Competência Tecnológica, Comprometimento, Ética em todas as relações, Participação e Posicionamento Social, Serviços de Excelência à Sociedade.

Negócio*

Zelar pelo cumprimento da legislação em defesa da sociedade e fomentando e valorizando o profissional pela fiscalização do exercício profissional.

*de acordo com o Título I - Artigo 2º regimento do Crea-Minas 04/09/2008

-*-

Eixos Estratégicos

minerva

Fortalecimento das entidades

Impulsionar as entidades como fontes de conhecimento e de informação, como referências em requalificação profissional. Em parceria com universidades e empresas, iniciar um processo de desenvolvimento de tecnologia e de cursos de especialização, garantindo representatividade técnica aos seus associados.Estruturar um setor, com assessoria técnica e jurídica, para oferecer assistência às entidades de classe para elaboração, gestão e captação de apoio financeiro para projetos de interesse dos profissionais, da sociedade e do Crea-Minas.

Valorização Profissional

Empreender esforços no diálogo com o profissional da área tecnológica para evidenciar sua contribuição no desenvolvimento econômico e social do país.Promover a participação do profissional nos debates de interesse da sociedade por meio da ampliação de projetos como Câmara de Mediação e Arbitragem (CMA/Crea-Minas), consolidando a sua autoridade técnica.Discutir, propor e acompanhar as ações em prol da valorização profissional, nos ambientes pertinentes, como instituições de ensino, entidades e até o mercado de trabalho.

Atribuições Profissionais

Defender a aplicação, em sua totalidade, da Resolução 1.073 do Confea, que regulamente a atribuição de títulos, atividades, competências e campos de atuação aos profissionais registrados no Sistema Confea/Crea. A resolução, aprovada em 2016, prevê a extensão de atribuições a partir da conclusão de especialização, mestrado, doutorado e sequencial de formação específica.Atuar junto ao Confea para normatizar e conferir mais autonomia às câmaras especializadas para concessão de atribuições profissionais com mais equidade, minimizando os conflitos internos.Criar uma estrutura permanente para defender as atribuições relativas às profissões abrangidas peloSistema Confea/Crea. .

Fortalecimento dos Colégios

Propiciar um ambiente de integração e consolidação dos Colégios de Entidades, de Inspetores, de Instituições de Ensino, de Empresas, Sindicatos e o de Representantes Institucionais. Através dos Colégios, envolver profissionais, empresários, professores e sociedade nas discussões do que é importante para a área tecnológica.

Parceria/arranjos institucionais

Intensificar a relação com as universidades, ampliar convênios técnicos e fomentar parcerias com empresa. Contribuir para a inovação tecnológica.Incentivar parcerias e projetos com o Crea-Minas Júnior e demais lideranças estudantis, tais como empresas juniores, Senge Jovem e Engenheiros sem Fronteiras.

Política Pública

Participar ativamente na formulação, implantação e controle das políticas públicas que tenham interface com a engenharia, a agronomia e a área tecnológica a partir de estudos e propostas técnicas elaboradas por entidades e especialistas, e da representação em conselhos institucionais.

Reimplantar as comissões multimodais nas Inspetorias, ampliando a representação do Crea-Minas nos municípios.

Promover reuniões municipais, regionais e estaduais, com foco nas discussões de demandas locais, fortalecendo a autoridade técnica dos profissionais da área tecnológica.

Estabelecer um fórum de entidades sindicais da engenharia e agronomia, para articular e apoiar os profissionais nas demandas da área do exercício profissional e salário mínimo e também para as necessidades da sociedade quanto as questões estratégicas relacionadas a água, saneamento, energia, meio ambiente e de infraestrutura urbana.

minerva
minerva

O Orçamento do Crea-Minas em sentido amplo, é um documento legal (aprovado em plenário) contendo a previsão de receitas e a estimativa de despesas e investimentos a serem realizadas na gestão. Para o devido acompanhamento o orçamento se baseará em estudos e documentos cuidadosamente tratados que irão compor todo o processo de elaboração orçamentária desta gestão.

Fiscalização

Avançar na adoção de estratégias, métodos de gerenciamento e planejamento para garantir a eficiência das ações e a ampliar os bons números dos últimos anos.Implantar a Gestão por Resultados com objetivo de aprimorar o desempenho da fiscalização.Implantar o Sistema de Gestão da Fiscalização (SGF) que permitirá acompanhar todo o processo com relatórios detalhados, evitando falhas e erros.

Envolver inspetores, conselheiros e representantes das associações profissionais no planejamento e gestão das diretrizes e ações de fiscalização. Atuação do profissional como um fiscal voluntário.Ampliar o projeto de Especialização da Fiscalização no Agronegócio para a Civil e Geologia e Minas pela representatividade econômica que possuem no estado. Como no agronegócio, a fiscalização destes segmentos terá estrutura, análise e acompanhamento especiais.

Atendimento

Desburocratizar o atendimento, tornando-o mais célere, técnico e especializado. Disponibilizar atendimento especializado para solução de problemas técnicos.Simplificar os serviços prestados aos públicos interno e externo. Continuar a modernização do atendimento ao ampliar a oferta de serviços online, garantindo ao profissional atendimento com agilidade.Promover campanhas para instruir o profissional a preencher corretamente as A.R.Ts, compor seu Acervo Técnico e acessar os serviços ofertados, evitando transtornos.

Gestão de projetos e pessoas

Prosseguir com a gestão estratégica dos projetos de interesse dos profissionais, enfatizando o planejamento e monitoramento das ações, além de acompanhamento contínuo de resultados por meio de indicadores de desempenho.Aprimorar as competências técnicas e interpessoais, promovendo o crescimento profissional e reconhecendo o desempenho dos colaboradores com o objetivo de garantir um ambiente de trabalho colaborativo e motivador.

Minerva
mapa estratégico

Mapa estratégico

mapa interativo

Projetos

iphone
  • 1
    Implantar Gestão por Resultado na Fiscalização

    Modelo de adminsitração de empresa que exige bastante comprometimento da equipe, voltado ao empenho para a finalização das metas. a gestão por resultados enfatiza os objetivos a serem alcançados e os valores da organização. Tendo como conceito priorizar os resultados em todas as ações com o objetivo de otimizar o desempenho da autarquia, independentemente de seu porte ou da sua área de atuação.

  • 2
    CANCELADO EM 2019
    Continuidade na implantação do Sistema da Fiscalização (SGF)

    Validação do software desenvolvido para a Gerência de Fiscalização através de contrato

  • 3
    Ampliar projeto de Especialização Fiscalização

    Criar instrumentos para internalizar a dinâmica do projeto nos processos de rotina do Crea-MG utilizando as modalidades de Mineração, Elétrica e Civil.
    Capacitar os Fiscais para exercer a atividade de fiscalização com maior assertividade em atividades específicas.

  • 4
    Campanha de Instruções aos Profissionais

    Atuar de forma orientativa para que os profissionais conheçam os serviços do Sistema CREA/Confea, evitando assim, erro no preenchimento dos documentos, principalmente a ART e solicitação de CAT e para que os empreendedores e sociedade conheçam as atividades de engenharia existentes nos empreendimentos de forma a serem orientados quanto às exigências legais e profissionais habilitados.

  • 5
    Planejamento Participativo da Fiscalização

    Criar um ambiente para viabilizar o Planejamento participativo da Fiscalização envolvendo todas as partes interessadas para otimizar a atuação e efetividade dos fiscais.

  • 6
    Parcerias Públicas

    Gestão qualitativa e quantitativa do colégio de representantes institucionais.

  • 7
    Estabelecer as diretrizes de Gestão do Negócio

    Instituir boas práticas de gestão para aumentar o nível de eficiência e integridade dos processos, através da adoção de metodologias.

  • 8
    Aumentar a Eficiência no Setor Atendimento

    Diminuição dos prazos de atendimento dos serviços da Gerência de Registro e Acervo e melhorias no atendimento da Sede (sinalização, identidade visual e fluxo de pessoas).

  • 9
    Fortalecer Entidades e Colégios

    Celebrar parcerias na forma de projetos com as Entidades da Classe registradas no Crea-MG.
    Realizar chamadas públicas.
    Instruir e treinar os dirigentes e funcionários das Entidades de Classe.
    Criar manual de orientações de prestação de contas.

  • 10
    Valorização Profissional

    Fomentar e aumentar o número de registro profissional dos docentes as instituições de ensino no Crea-MG através de agenda elacional;
    Realizar reuniões com os gestores, docentes, lideranças do Crea Júnior nas 11 regiões.

  • 11
    Assegurar a infraestrutura

    Promover a adequação da infraestrutura no prédio sede do Crea-MG e da infraestrutura tecnológica da informação (TI) para assegurar a sustentabilidade dos processos.
    Identificar anomalias e/ou resttrições às demandas de serviços do CREA-MG existentes, anotando soluções e estabelecendo a priorização de execução.

  • 12
    Garantir a estrutura orçamentária

    Instituir práticas de Controle Orçamentário;
    Estabelecer programa de redução de custos;
    Instituir práticas para estabelecer um plano de investimento;
    Controle da Dívida Ativa;
    Tornar o software Implanta operacional para gestão orçamentária e financeira, com resultados no uso do Plano de Contas.

  • 13
    Aprimorar integridade publica

    Sistematização e organização documental;
    Informatização do trâmite de documentos;
    Implantar os princípios da Qualidade e gestão de riscos;
    Estrututrar um Programa de Integridade e compliance preventivo;
    Estruturação de um sistema de Gestão da Qualidade, riscos e Integridade.

  • 14
    Revisar e/ou Padronizar Comunicação

    Estabelecer políticas , princípios e diretrizes para a área, que vão subsidiar a elaboração do Plano Diretor de Comunicação, com propostas de linhas de ação, programas e projetos de curto (6 meses), médio (12 meses) e longo (18 meses) prazos em sintonia com o planejamento estratégico do Conselho, especificamente, e do Sistema Confe/Crea/Mútua de forma geral.

  • 15
    Plano de Capacitação e Desenvolvimento para funcionários

    Aprimorar as competências técnicas e interpessoais, promovendo o crescimento profissional e reconhecendo o desempenho dos colaboradores com o objetivo de garantir um ambiente de trabalho colaborativo.

  • 16
    Desenvolvimento de Lideranças

    Aprimorar as competências técnicas e interpessoais, promovendo o crescimento profissional e reconhecendo o desempenho dos colaboradores com o objetivo de garantir um ambiente de trabalho colaborativo.

  • 17
    Gestão Documental

    Estruturar a Gestão Documental da Instituição em atendimento à legislação;
    Padronização de documentos e procedimentos;
    Tornar os documentos do Crea acessíveis remotamente;
    Controlar o fluxo de documentos e organização dos arquivos (físicos e eletrônico); Preservar o patrimônio documental;
    Racionalizar a produção de documentos;
    Implantar política de descarte de documentos;

  • 18
    Implantação do e-Social

    Atender ao Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas. - Os empregadores passarão a comunicar ao Governo, de forma unificada, as informações relativas aos trabalhadores, como vínculos, contribuições previdenciárias, folha de pagamento, comunicações de acidente de trabalho, avido prévio, escrituações fiscais e informações sobre FGTS.

  • 19
    CANCELADO

    cancelado desde 2018

  • 20
    Manual Engenharia nos Empreendimentos

    Especificar os serviços e atividades das profissões e do Sistema para os 100 principais tipos de empreendimentos através do Manual "A Engenharia nos Empreendimentos" e fazer ampla divulgação.

  • 21
    Propostas de Políticas Públicas para os eixos

    Assessoramento técnico para orientações das administrações municipais, estadual e federal, e monitoramento das propostas das políticas públicas, definidas nos encontros das 12 regionais do Crea-MG no estado de Minas Gerais, para os eixos: alimentos, rodovias, meio ambiente, impacto das chuvas e urbanicidade.

  • 22
    Relatórios orientativos a montagem de editais

    Elaboração de relatórios orientativos, palestraas técnicas e apoio técnico a montagem de editais.

  • 23
    Assessoramento técnico para confecção de relatório de meio ambiente e recursos hídricos

    Assessoramento técnico e confecção de relatório para as Câmaras Temáticas , constando: meio ambiente e recursos hídricos, valorização profissional - setor público e desenvolvimento de políticas públicas, incluindo o diagnóstico e desenvolvimento dos estudos técnicos pertinentes a cada temática, bem como supervisão técnica e confecção parcial de relatório técnico.

  • 24
    Apoio Técnico ao CRI

    Apoio Técnico ao Colégio Estadual de Representantes Institucionais CRI

  • 25
    Apoio técnico para grupos de trabalho do Plenário do Conselho

    Apoio técnico na elaboração de peças e projetos especiais dos grupos de trabalho instituídos pelo pelnário do conselho.

  • 26
    Livro de Ordem

    Adoção do Livro de Ordem nos termos estabelecidos na Resolução 1.089/2017

  • 26
    Software de Gestão Corporativo

    2019

Av. Álvares Cabral, 1600 - Santo Agostinho