Dentro do seu projeto de adequação à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), o Crea-MG capacitou funcionários, terceirizados e estagiários. Os treinamentos que começaram, em 26 de julho, se encerraram em 22 de setembro. De acordo com o Data Protection Officer (DPO), André Oliveira, o workshop foi importante para consolidar os conceitos legais. “Considerando que a LGPD é uma lei baseada em princípios, explicar cada um deles é um passo importante para a reorientação das atividades funcionais no Crea-MG, com o objetivo de proteger dados de pessoas físicas que são operacionalizados pelo Conselho", destacou.

Iniciado em 2020, atualmente o projeto está na fase de inventário de dados pessoais por área, de adequação de políticas, processos e sistemas organizacionais e de implementação de técnicas de privacidade. Após esta etapa, estão previstas auditorias periódicas para verificar se atos e processos administrativos estão em conformidade com a LGPD.

 

Almir Moura
Publicado em 19 de outubro de 2021